ACOMPANHE A PREFEITURA NAS REDES SOCIAIS Facebook Twitter Youtube SoundCloud Instagram
Home|Notícias|Balada virtual marca sétima edição do Festival Live do Bem
NOTÍCIAS
Cultura
22/05/2020 10h00
Balada virtual marca sétima edição do Festival Live do Bem

Jornalista: Ayslane Dantas

Quem estava com saudade de uma “baladinha” aproveitou quase 4 horas de música eletrônica na noite desta quinta, 21, durante a transmissão ao vivo da sétima edição do Festival Boa Vista Live do Bem, evento promovido pela Prefeitura de Boa Vista, por meio da Fundação de Educação, Turismo, Esporte e Cultura (Fetec), para ajudar financeiramente os artistas neste momento de pandemia do novo coronavírus.


 

Para esta live, o palco do Teatro Municipal de Boa Vista se transformou numa verdadeira discoteca, com pickups, jogos de luzes e tudo o que tem direito, onde seis DJs fizeram suas performances de forma ‘eletrizante’. A DJ Estrela abriu o show, às 19h, com ritmos que há anos agitam pistas de dança pelo mundo, como techno house e deep house.

 

Já o DJ Elves Preses veio com uma vibe mais nostálgica e preferiu fazer um flashback com músicas dos anos 2000, o que fez os internautas lembrarem das boates que marcaram época em Boa Vista. O pop também tomou conta da pista, quando Anderson Souza subiu ao palco. Ele lembrou sucessos de Claudinho e Buchecha e Skank.

 

Claro que toda essa produção não passou despercebida dos internautas nas redes sociais:  

 

“Esse cenário tá um luxo. Vocês estão de parabéns. ´Tá um show”, elogiou Adeilson Silva Oliveira, que acompanhou a live.  

 

“Ouvindo essa live, vejo como minha adolescência foi boa”, recordou Silva Soares. Ele e outros internautas voltaram no tempo com as músicas selecionadas para o evento.

 


Após um breve intervalo, o comando das pickups ficou a cargo da Dj Larissa Meraki. Com estilo mais voltado para o deep house, a artista também agradou o público em casa.

 

“Amo essa batida”, elogiou Palloma Correa Alecrim.

 

Na sequência, ainda teve o DJ Campolina para animar a festa. Natus Vince encerrou a live com uma batida especial, considerada por uns como um novo gênero e por outros como uma adaptação de vários estilos, a Brazilian Bass.  

 

“Valorizem nossos artistas locais. Todos eles merecem nosso respeito e admiração. Parabéns PMBV!”, comentou o internauta Paulo Souto.

 

O show virtual dos DJs não teve público presencial e sim transmissão por diferentes plataformas como canal da prefeitura no Youtube, Facebook e Rede Cidade, além de ser traduzido pelo intérprete Márcio Silva para a Língua Brasileira de Sinais, nos momentos de interação da apresentadora com os artistas e com o público.

 


Apoio

 

Vale lembrar que o setor do entretenimento foi um dos primeiros afetados com a crise da Covid-19, já que os shows e eventos culturais foram suspensos. Por isso, a Live do Bem tem a proposta de ajudar financeiramente a classe artística de Boa Vista. Participam das apresentações artistas que se inscreveram em um edital da Fetec. Os cachês variam de R$ 1.000 a R$ 1.700.

 

“A prefeitura está fazendo isso por um motivo, para que você fique em casa”, lembrou a apresentadora da live Hérika Santos.

 

Próxima Live – Quem curte MPB já pode agendar a próxima live, que será nesta terça-feira, 26, com os artistas Paulo Souto, Thayná Vita, Anna Lu e Pablo Eliafaz, a partir das 19h. O clima de barzinho vai invadir sua casa por meio do canal da prefeitura no Youtube e no Facebook.

 

FALE BOA VISTA LIGUE 156
Prefeitura Municipal de Boa Vista, Trabalhar e Cuidar das pessoas
Prefeitura Municipal de Boa Vista
Palácio 9 de Julho | Rua General Penha Brasil, 1011 - São Francisco | CEP: 69305-130 TELEFONE: 156 | Boa Vista - Roraima - Brasil